quinta-feira, 24 de novembro de 2011

These Are the Days Of Our Lives


Hoje estou muito dada a música. Mas faz hoje 20 anos, é verdade, já 20 anos, que morreu o simbolo de uma das minhas bandas de eleição. Lembro-me perfeitamente onde estava quando vi a notícia na TV. [caramba! 20 anos!]
Quanto a mim, perdeu-se "algo grande". Mas ficou o que de bom nos deixou, a sua música e a sua grande voz.

Freddie dizia "sofrer da mais terrível forma de solidão, podia comprar tudo no mundo, menos o que mais desejava, uma relação amorosa estável".

O amor, o carinho e o abraço verdadeiro, não se compram nem se obrigam. Dá-se e tem-se só porque sim.

11 comentários:

Ana disse...

Grande Freddie! Uma perda insubstituível, sem dúvida.

Tanita disse...

Sabes que ador as letras das músicas mas não suporto a voz dele? vá lá entender-se.
Bom fim-de-semana. Bj**

mfc disse...

Ele é imortal... e as suas músicas sempre actuais!

D. disse...

:-)

S* disse...

É complicado encontrar um amor que nos complete... mas a música dele é eterna.

SaintWolf disse...

Imortal.

LionMaster disse...

Vim cá parar de paraquedas e no post certo!!...
Sem duvida uma grande voz e um grande banda que morreu no mesmo dia que o Freddy.

LionMaster disse...

ps: Foi encontrada algures no mundo uma voz em tudo parecida... :)

D. disse...

Bem-vindo LionMaster.
Sem dúvida, quanto à voz algures no mundo, não sabia.
Volta sempre.

LionMaster disse...

http://www.tabonito.pt/a-reencarnacao-do-freddie-mercury/

Podes ver aqui! heheheh

D. disse...

LionMAster, já vi, ou melhor, ouvi!
Gostei, sinceramente. Acho que tabalhado é provável que vá bastante longe.
[mas eu não sou juri de nenhum programa de escolher talentos :-)]