segunda-feira, 25 de julho de 2011

baralhadinha de todo!

Regressei de férias e ao meu blog quase ao abandono.
Comecei, como faço sempre, a clicar de blog-em-blog e a ler. Passeando de link-em-link e confesso, estou baralhada de todo. Estupfacta e Estupido-facta. Sem conseguir perceber "puto" do que se passa. Por certo também não tenho que o perceber, mas.... há pessoal que não tem nada com que se entreter ou sou eu que não estou mesmo a perceber népia?
Notem que não estou de lado nenhum, nem tenho que estar. Por várias razões; não conheço os meandros das histórias; não conheço sequer os inícios das mesmas; nem tão pouco conheço as pessoas; não tenho nada a ver com o assunto; o meu blog é um "blog-caseiro" e por isso, fora destas coisas esquisitas.
Eu pensava que, tirando blogs "a sério", a blogoesfera era um local de divertimento, onde quem quer conta o que lhe apetece e quem não quer, pura e simplesmente não vem cá. Que as pessoas se expõe o quanto querem e o quanto se sentem à vontade para se exporem, etc, etc. Também eu em tempos, num outro blog que tive, tinha uns quantos anónimos completamente despropositados, que liam e interpretavam as coisas a seu belo prazer, tendo-se a si próprios como espelho. Achavam-se importantes o suficiente para acharem que eu lhes dava tal importância. Criaram "grupos" de supostos amigos e interpretes do blog e despejavam o seu veneno nas minhas caixas de comentário. Eu como na verdade, me estava a "cagar" para eles, nem sequer tinha comentários moderados (não tenho absolutamente nada contra quem os tem. Cada um sabe de si). Deixei-os andar enquanto quis manter o blog aberto. Depois e porque a minha vida tomou um rumo diferente, achei por bem ter um canto diferente onde por vezes deixe algo de mim para quem quer ler, tem paciência para tal e algum gosto pelo mesmo. Não tenho ideia nenhuma se os "tais" anónimos conhecem este meu "novo" canto nem se não. Ligo tanto a isso, que perdi as entradas no Sitemeter e não voltei a pedir outras.
Bom, mas adiante. Isto para dizer que de link em link fui vendo uma "guerra" entre uma tal de Love Etcetera, que, ao que me recordo, tinha um blog diferente, uma tal que diz que Tem mais que fazer, que ao pouco que me deu a entender, foi lesada. Tentei ler, não percebi nada. Depois tenho também a minha Blog-Amiga Ana (não conheço pessoalmente, mas é daqueles blogs que me merece consideração), qua também foi vítima de bloguisses sem interesse, neste caso, plagio. Para além da S*, (igualmente blog-friend) se não me engano, que também foi plagiada, etc, etc, etc.
Desculpem lá! Mas sou eu que estou errada ou anda tudo doido? Eu leio os blogs, interesso-me mais ou menos pelo que as pessoas dizem, mas não estou interessada em saber quem está por detras daquelas letras. Se souber, óptimo, leio com outros "olhos", se não, gosto ou não gosto.
Confesso. Fiquei baralhada e em entender o que raio se anda a passar pela cabeça das pessoas. Anda tudo folgado ou quê?
Sinceramente!

4 comentários:

Ana disse...

É por tudo isto que referiste aqui (exactamente neste contexto) que eu escrevi o meu último post, ou seja, eu não alinho nesses grupos que se "unem" para defender ou atacar alguém. Estou atenta ao que se passa porque sigo muitos blogs e acabo por ficar a saber de tudo, mas muito antes de defender bloggers, eu defendo atitudes, e nem sempre defendo as atitudes dos mesmos. De qualquer maneira, ando aqui para me divertir e entrar em guerrinhas é coisa que não me interessa muito.

Beijocas

D. disse...

E tens toda a razão, Ana. Isto é completamente absurdo. Eu nunca me tinha apercebido de tais "palhaçadas". Quando era "comigo", sei que era ataque ressabiado. Tinha plena consciência disso e confesso que me dava um certo gozo ver o quão palermas aquelas pessoas podiam ser. Mas sentia-o como algo mais "privado".Nada com esta amplitude entre pessoas que até coloco em dúvida se se conhecem.
Também por aqui ando para me divertir, aprender dar largas à minha imaginação, mas só.
Deixem-me no meu cantinho que eu não aborreço ninguém, ou pelo menos assim espero.

Bjks

SaintWolf disse...

Eu acho que é tudo uma pequena junção de muito tempo com nada que fazer, dá nisso.

D. disse...

e muita imaginação SaintWolf.