terça-feira, 27 de janeiro de 2015

Pensamentos... e constatações


O meu problema, ou um dos meus problemas é se as situações que eu penso estou a viver neste momento não são fruto dos meus pensamentos. Por isso o motivo... não sei.... sei que não considero que a situação que ando a viver, em termos profissionais, seja a melhor nem tão pouco aquela onde me sinto bem.
E é tão triste andar a fazer o que não se acha piadinha nenhuma. 
Acordo e até vou bem, feliz e contente, mas depois com o desenrolar do dia é que muitas vezes se abate uma tristeza e uma angústia. E há também a questão da presença de algumas pessoas. Sem dúvida que há pessoas que têm em nós um efeito absolutamente negativo. É incrível.
Bom, vejamos quanto tempo mais vou andando nesta espécie de angustia. 
Até lá... restam-me, também, vocês.
Tenham um dia bom.

6 comentários:

rosa_chiclet disse...

Não desanimes.. de certezaque existe alguma coisa que gostas e não te deixes cair nessa melancolia..

kisses***

Kelle disse...

Também ando nessa vida, mas a fazer algo pela mudança, é chato que esse algo demore algum tempo!! Energias positivas e boa sorte!

ynys disse...

Andamos muitos nessa luta, como sabes eu também, os empregos não caiem do céu e as circunstâncias da nossa vida prendem-nos às migalhas como se fossem o euro milhões mas por favor não desistas! A sério!
Se achas que há algo que até gostavas mesmo de fazer, explora, testa, nem que seja em casa, fala com outras pessoas que andem na mesma busca que tu. Tenta, arrisca, a sério não te deixes ficar na sombra porque tu dentro de ti deves saber que mereces ser feliz, encontra essa força. A minha energia vai para ti * eu ando há 3 anos a mentalizar-me para a mudança e só este ano vejo alguns resultados mas valeu a pena cada segundo, força e se precisares de dicas, sítios onde procurar o que for... estou aqui se souber digo te. se todos mudarmos um bocadinho para sermos mais felizes imagina o espectáculo que o mundo vai ser amanhã para os nossos filhos?

mmm´s disse...

Às vezes, precisamos de parar para pensar se aquilo que temos nos faz verdadeiramente felizes, depois disso precisamos de coragem para "virar o mundo ao contrário" ...E aqui as forças vacilam...

Escatota Biribó disse...

Que curioso, ou não…

Estava aqui eu a sentir-me mais uma galinha no aviário, à qual apenas é exigido que coma pelo tabuleiro da frente e ponha ovos no tabuleiro de trás, num trabalho que não me diz absolutamente nada, e cujo sentido é no mínimo questionável, sempre na expectativa de um salário que paga a minha pobreza e nunca a minha vontade, e ainda por cima rodeado de pessoas toxicas, quando me deparo com este post……

Olha, tenham um bom dia também

D. disse...

Obrigada a tod@s. Sei como têm razão mas também como é difícil e a inercia por vezes nos atrapalha os movimentos.
@ Escatota Biribó - o que me ri. Gostei da passagem por aqui por este meu cantinho.